Seja Bem-vindo, este é um fã blog que tem o intuito de manter os fãs de IVETE SANGALO bem informados.

Ivete Sangalo tem noite de estrela do rock

Ivete Sangalo faz show no Rock in Rio / Foto Pablo Jacob

RIO – Foi como uma legítima estrela de rock’n’roll que Ivete Sangalo se portou em sua apresentação no Rock in Rio. Tudo que o estilo tem de bombástico, excessivo, visualmente impactante e musicalmente vibrante, a cantora trouxe para o palco, num espetáculo intenso, que comandou pessoalmente sem descansar um segundo sequer. Expoente do pop brasileiro (e não só baiano) da última década, Ivete começou o show lá em cima, com “Brasileiro”, uma daquelas combinações de batuques afro, pulsação funk e guitarras possantes que hoje (muito graças a ela) respondem pelo que se conhece hoje como axé. O público se abriu num mar de mãos, totalmente rendido.

VÍDEOAntes do show no Rock in Rio, Ivete fala sobre Shakira, Lenny Kravitz e caipirinhas

TEMPO REALAcompanhe tudo sobre o quinto dia do Rock in Rio

RESENHASLeia as críticas dos shows do Palco Mundo

“Explode, Rock in Rio”, ordenou Ivete, antes de enveredar por “Acelera aê”, um disco-axé com mais do dobro do poder dançante de qualquer número do Jamiroquai no dia anterior. “Abalou”, “Festa” e “Sorte grande” (essa, com citação do funk carioca “Tapinha”) e “Não quero dinheiro” (de Tim Maia) completaram o estrago – Ivete comandou a banda, puxou as coreografias, brincou com as câmeras, cuspiu uns palavrões (carinhosos, vá lá) e fez todo mundo tirar o pé do chão, como bem queria. “Vocês sabem que eu gosto muito disso!”, admitiu. E aí, livrede culpas, emendou no heavy-axé árabe “Dalila” – a música para “chamar Shakira”, como brincou.

Depois de mais uns números de alta voltagem (“Arerê” e “Berimbau metalizado”), foi hora de baixar a bola. O que Ivete fez foi ir só ao piano para cantar “Easy” (dos Commodores) e depois, ao violão, para um “More than words” (do Extreme) – o momento barzinho do show, para, em seguida, voltar descendo a lenha, com uma versão metal de “Eva” e, num fecho apoteótico, atacar de “Na base do beijo”. Ufa! Alguém anotou a placa do caminhão?

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/cultura/rockinrio/mat/2011/09/30/ivete-sangalo-tem-noite-de-estrela-do-rock-925485877.asp#ixzz1ZV4hJsvy
Postado por: @lovalverde

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s